Tag Archives: relacionamentos; relacionamento terceira idade; amor terceira idade; amor na terceira idade

13 de março de 2015

Relacionamentos na terceira idade

relacionamentoterceiraidade

É comum hoje em dia achar que namoro e relacionamentos são permitidos apenas para os jovens. Muitos acham que aquele que chega à velhice é assexuado e deve focar sua vida à família. Mas não é bem assim. O amor e o sexo ocorrem depois dos 50 anos e são tão intensos quanto na juventude. As diferenças estão nos detalhes.

De acordo Guita Grin Debert, professora do Departamento de Antropologia da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), “as mulheres passam a ser menos recatadas e os homens, mais afetuosos”. No seu estudo “Velhice, violência e sexualidade”, a pesquisadora também diz que “o prazer estaria espalhado pelo corpo, ocorrendo um processo de desgenitalização”.

Tanto os homens como as mulheres mais maduras são mais positivos em suas expressões afetivas. O desejo, nessa fase, pode até diminuir, mas não o suficiente para calar todos os sentimentos inerentes à condição de ser humano. As pessoas mais velhas também buscam compartilhar momentos agradáveis e gostam de ser companheiros para as horas boas e também para as horas ruins. Esse talvez seja um dos principais objetivos.

Como ter um relacionamento saudável na terceira idade

Durante nossa vida, passamos por diversos obstáculos, seja na esfera amorosa ou em outra qualquer. Os mais velhos, portanto, são “campeões” nessa “corrida”. Para entrar em um relacionamento de forma saudável, é preciso ver todas as quedas como parte do jogo e não se enxergar como vítima.

População mais velha

Até 2050, segundo a Organização das Nações Unidas (ONU), a população idosa no Brasil vai triplicar, passando dos atuais 21 milhões para 64 milhões. No mundo, o número de pessoas com mais de 60 anos chegará a 200 milhões.

Veja também: O mito do par perfeito e as aparências