Category Archives: Sem categoria

06 de julho de 2015

Você tem sorte no amor?

sortenoamor

Passamos a vida encantados. E desencantados. O que ontem foi objeto do nosso amor pode hoje ter se transformado em desamor.

 

Tem gente que costuma dizer que não tem sorte no amor. Será mesmo falta de sorte? Aproximar-se sempre do mesmo perfil é um reflexo do seu padrão mental. Pare e reflita: onde tem conhecido essas pessoas? No barzinho, na boatwe, no trânsito, por apresentação, na Internet? Tem se vestido de acordo com sua idade e profissão? Como anda a sua postura e comportamento? Vive sonhando e fantasiando e acredita em soluções mágicas e em príncipes encantados? Constantemente vive se queixando e reclamando de seu par ou se acomoda em situações de infelicidade?

 

Muitas vezes, pensamos estar dando o melhor de nós para criar um relacionamento amoroso positivo, mas exageramos na dose e, sem perceber, acabamos espalhando as sementes da rejeição. É possível que você esteja agindo errado nos relacionamentos.

 

Como mudar?

 

O primeiro passo é verificar como anda a sua comunicação e que tipo de mensagem você envia para o pretendente ou para o seu par. Ainda que no amor nada seja definitivo e tudo possa ser modificado, lembre-se de se posicionar de forma clara, sincera, transparente, amigável e respeitosa.

 

Em vez de ficar reclamando dos tipos que atrai, precisa aceitar que as pessoas só fazem com a gente aquilo que permitimos. Mudar a forma de agir e pensar será importante para atrair outro perfil. Você se julga competente na vida profissional e incompetente na vida amorosa? Dê um basta, mexa-se.

 

Pode parecer utópico falar de amor numa época em que as pessoas se deixam iludir por relacionamentos fugazes e superficiais. O “ficar” da moçada parece ter contaminado as relações de outras faixas de idade. Lamentavelmente, gente grande, que poderia ter um pouco mais de discernimento, está se deixando seduzir pela quantidade, em vez de qualidade.

Veja também:  Que importância você tem dado para o amor em sua vida?

 
 
23 de abril de 2015

Golden Years completa 20 anos

amor

Foi em 1995 que Marlene Heuser, até então funcionária de uma grande multinacional, resolveu transformar seu hobby de ser “cupido de amigos” em uma atividade profissional. E essa história, chamada Golden Years, deu tão certo que em maio de 2015 completa 20 anos.

Duas décadas construídas com muitas outras tantas histórias, estas de amor, paixão, felicidade, casamento, família… Uma delas é a da Carol e do Mateus. Ela, após terminar um relacionamento complicado, ouviu um anúncio sobre a agência de relacionamento em uma rádio de Curitiba.

No início tive muita resistência. Não acreditava que pudesse dar certo um relacionamento assim. Mas, após terminar um namoro, resolvi procurar a Marlene! Ainda estava receosa, e achando que não teria ninguém com o perfil que eu buscava. Fiquei encantada já com o primeiro perfil que a Marlene me mandou! 1,83m, 83 kg, loiro, olhos azuis… Um príncipe!!! Aprovei o perfil, e no dia seguinte recebi o telefonema do meu pretendente! Em dois dias, ele me pediu em namoro. Com aproximadamente 6 meses de namoro, ficamos noivos, e nos casamos logo depois. Hoje, temos dois filhos, fruto do nosso amor. Quem disse que fada madrinha não existe? Existe sim! E ela tem nome: Marlene Heuser!”