Monthly Archives: abril 2015

23 de abril de 2015

Golden Years completa 20 anos

amor

Foi em 1995 que Marlene Heuser, até então funcionária de uma grande multinacional, resolveu transformar seu hobby de ser “cupido de amigos” em uma atividade profissional. E essa história, chamada Golden Years, deu tão certo que em maio de 2015 completa 20 anos.

Duas décadas construídas com muitas outras tantas histórias, estas de amor, paixão, felicidade, casamento, família… Uma delas é a da Carol e do Mateus. Ela, após terminar um relacionamento complicado, ouviu um anúncio sobre a agência de relacionamento em uma rádio de Curitiba.

No início tive muita resistência. Não acreditava que pudesse dar certo um relacionamento assim. Mas, após terminar um namoro, resolvi procurar a Marlene! Ainda estava receosa, e achando que não teria ninguém com o perfil que eu buscava. Fiquei encantada já com o primeiro perfil que a Marlene me mandou! 1,83m, 83 kg, loiro, olhos azuis… Um príncipe!!! Aprovei o perfil, e no dia seguinte recebi o telefonema do meu pretendente! Em dois dias, ele me pediu em namoro. Com aproximadamente 6 meses de namoro, ficamos noivos, e nos casamos logo depois. Hoje, temos dois filhos, fruto do nosso amor. Quem disse que fada madrinha não existe? Existe sim! E ela tem nome: Marlene Heuser!”

 

 
 
 
17 de abril de 2015

Dia da amizade

diadaamizade

O Dia do Amigo, comemorado neste sábado (18), é uma data proposta para celebrar a amizade entre as pessoas.

“Maria começou a namorar e esqueceu-se das amigas”. Você com certeza já ouviu ou já passou por essa situação. Muitos casais, quando iniciam um relacionamento, entram em uma bolha, tão pequena que não tem espaço para mais ninguém. No início, até que os amigos mais próximos tem lugar, mas logo em seguida acabam se afastando.

O problema é que essa bolha não é saudável. Pode até amadurecer a relação entre o casal, gerar autoconhecimento e dar mais “segurança emocional” no início, mas isso só ocorre internamente e por pouco tempo. O exterior, onde estão os amigos, se deteriora, fica vazio. E se o relacionamento termina, como é comum acontecer em algum momento, os que saem dele são recebidos por um mundo vazio, sem estrutura e sem amigos, porque muitas vezes eles estão feridos por terem sido deixados lado.